Easter eggs , Cameos e referências: Um universo paralelo

Easter eggs , Cameos e referências: Um universo paralelo.

Easter Eggs? Cameos? Cutural references? Tem visto essas palavras com frequência espalhadas em sites ultimamente? Dezenas de vídeos no youtube se referindo como encontrá-los?

follow-the-white-rabbit

Siga o coelho branco!

Não se assuste. Existe um universo dentro de outro a ser descoberto!

Ultimamente Easter Eggs é a palavra que os gamers mais ouvem falar, graças ao fenômeno da atualidade, o jogo GTA V feito pela Rockstar cheio de sacadas inteligentes e divertidas, a empresa já tem o histórico (bem sucedido até AQUI) de usar essas ferramentas em seus jogos da série, para ter essa identificação maior com os gamers, e também ter sua piadas internas.

Esse fenômeno já faz parte da historia dos games, e por anos vem crescendo a ponto de 90% dos jogos hoje em dia ter pelo menos uma dessas linguagens presente.

Algumas mais escancaradas outras muito bem escondidas, elas acabam instigando o lado investigativo dos gamers, principalmente nesse momento, onde jogos no estilo SandBox (mundo aberto), RPG, e multiplayer dominam o mercado.

Esse alivio cômico, e referências acabam mostrando muito a personalidade de seus criadores , criando assim uma aproximação maior com os jogadores que se identificam cada vez mais com seus jogos. Qual GAMER que não se empolga ao ver em seu jogo preferido referência a filmes, séries outros jogos que ele tanto gosta e também fazem parte do seu universo?

Surpresa Digital

easter eggs tech

Surpresa Digital ! “Toasty”

Easter Egg:

É  uma expressão de origem inglesa que ao pé da letra significa Ovo de Páscoa.
Devido a tradição americana de esconder ovos de páscoa pela casa para que as crianças os encontrem, os Easter Eggs ficam (Assim como os ovos de páscoa dos americanos), em SUA maioria, escondidos e cabe ao jogador vasculhar o game em busca deles. Cuidado! Não confunda um Easter Egg com uma mensagem subliminar, a mensagem subliminar é algo que o ser humano analisa antes de perceber. Easter Egg é um tipo de segredo virtual.

Existem algumas formas de linguagens que segue o intuito de fazer homenagens e menções, e as mais recorrentes no games são:

Character Cameos : Quando um personagem ou objeto de um jogo faz uma aparição breve ou sutil em outro jogo e não está diretamente relacionada com a jogabilidade ou enredo de alguma forma.

Cultural References: Uma referência muito específica em um jogo de um filme, série, outro jogos, etc. É uma forma de homenagear ao que se refere. A referência deve ser extremamente específica para um evento ou lugar ou personagem. Idéias recorrentes, personagens, lugares, inimigos, entre outros, não contam como Cameos.

Cross Series: Quando um personagem ou objeto de um jogo  faz uma aparição em outro jogo completamente diferente da sua série, mas esse sim está diretamente relacionado com a jogabilidade ou enredo de alguma forma.

Algo a Esconder: Uma breve história dos Easter Eggs nos games.

medico_monstro_thumb2

Something to “HYDE”!

O que hoje é uma diversão e se tornou parte do jogos de vídeo game, nem sempre foi assim. O easter egg teve  início por um motivo nada divertido e sim como uma forma de mostrar que existiam pessoas que trabalhavam duro pra fazer um jogo acontecer . Na época não existiam documentários como INDIE GAME – The Movie pra nos fazer enxergar isso.

Em 1980 desenvolvido por Warren Robinett, era lançado o game que se tornou o sétimo mais vendido na história do Atari 2600: ADVENTURE , o jogo inspirado pelo primeiro adventure de texto, o COLOSSAL CAVE ADVENTURE (que deu o nome ao gênero desses jogos) que vendeu mais de 1 milhão de cópias, um grande número para época.

maxresdefault

A questão toda é que, naquela época, a maiorias dos jogos eram desenvolvidos por uma única pessoa e o designers não eram creditados pelo seu trabalho nos jogos e nem recebiam os enorme lucros gerados por eles. Motivado por isso Warren resolveu o problema colocando sua assinatura dentro do jogo escondida.

Os jogadores que navegassem a uma das catacumbas e fizessem uma ação específica nela teriam acesso a uma sala secreta, que simplesmente exibia uma mensagem do desenvolvedor: “Criado por Warren Robinett”.
ADVENTURE (1)

Dado o tamanho dos jogos de Atari, esta pequena tela utilizou uma boa parte da memória (em torno de 5 por cento). Como reeditar o jogo para tirar essa tela seria muito caro para a Atari, e por ser um elemento muito obscuro, ele foi deixado lá.

Em uma entrevista para o toadstool.net, Warren Robinett explicou suas razões para esconder seu nome no jogo:

“Era uma assinatura, como em uma pintura. Mas para que isso pudesse acontecer, eu tive que esconder a minha assinatura no código, em um lugar muito obscuro, e não contar a ninguém. Manter o segredo não foi fácil. Eu estava muito tentado a dizer aos meus dois principais amigos na Atari, Tom e Jim Huether Reuterdahl, mas não contei nem à eles. Então eu entreguei a versão final do programa, e a Atari fabricou e distribuiu centenas de milhares de cartuchos de Adventure, e quando eles descobriram, já era tarde demais.”

Sim, surgiram outros cartuchos de jogos com mensagens secretas mas que vieram antes do Adventure. No entanto, foi supostamente a Atari que, para descrever o acréscimo secreto de Robinett ao jogo, reutilizou primeiro o termo “Easter egg”.

Se preparem porque esse e só o início!!!

personagem dos games

To Be Continue…